sábado, 27 de março de 2010

Kurare: Velhas cãs

Kurare: Velhas cãs



Obrigado pelo seu carinho e, por seus comentários, são eles a força motriz para minhas publicações no Blog.

 Quem me conhece sabe que sou mesquinho com o uso da palavra amor, uso-a em raríssimas ocasiões. Amo os comentários!
Aos seguidores que me escrevem e-mails, peço a gentileza de fazerem os comentários relativos ao Blog, aqui no blog. Assim, serão eternizados!

Um beijo para você Mulher
Um beijo para você Mulher, e um abraço para você homem que me visitam para um chá diário, no qual compartilhamos alegria, e calor humano, idéias, contradições, questionamentos, carinho e quem sabe...talvez...AMOR!!! 

um abraço para você homem

O texto abaixo foi a minha primeira postagem no Blog. Se gostou dele, procure meus outros textos pelo blog. Futuramente verei como colocar links ou tags específicos para cada texto meu.
Carlos Kurare
Sawabona! 


Vejo com tristeza quem, ainda, sou: um Pequeno Grande Homem tenho muito por crescer. Mas, vejo com alegria, que sou um velho cão, que pode aprender novos truques.

Velhas cãs

Não tenho os olhos baços,

nem as pernas duras
e muito menos, frios traços,
e a mente ainda é pura.

O coração é levedura,

cresce com as batidas
do som de suas partituras.

Carlos Kurare – Sampa 10/2/2010 21:09 (data e hora da criação do poema depois do poema comecei a criação do Blog)

Link para ver a primeira postagem do blog: Kurare: Velhas cãs

6 comentários:

Anônimo disse...

O texto é carregado de sentimentos profundos, sinceros, para pessoas de meticulosa sensibilidade e percepção. Magnânimo, inspirador, de um crescimento que não pára !!! Congratulações ao poeta nato pelas brilhantes palavras em forma de versos e, esplêndida fotografia !!! S. Bacana

Anônimo disse...

Não sou muito de poesia mas achei a sua boa prá caramba, valeu aí mano do blog. TECOTECO

Anônimo disse...

Sr. Kurare
Pra mim seguir seu blog esta sendo uma experiencia, você é realmente imprevisivel é dificil imaginar o que você vai postar no dia seguinte..como você mesmo diz...é muito eclético.
Estou criando uma rotina de acompanhar seu blog.
leonita

Bete Lobo disse...

Leio este blog todos os dias. Gosto do visual, das músicas, da sensibilidade e da irreverência do autor. Leio e releio alguns comentários, na tentativa de entender porque algumas mentes brilhantes perdem tanto tempo fazendo colocações desagradáveis quando poderiam acrescentar ao invés de desdenhar... Parabéns Carlos, principalmente pela coragem e pela dignidade de expor todos os comentários que lhe são enviados.

Anônimo disse...

Bem, queria deixar um agradecimento do fundo do meu coração para Carlos Kurare: embora sejamos COLEGAS como você mesmo disse,virtuais,digo-lhe que desde o início sempre fui franca,sem qualquer tática de teatro,para expressar-me sobre quaisquer assuntos.Um simples gesto deixa-me contente,a maior virtude é a amabilidade.Não se pode amar todo mundo,mas pode-se ser amável com todos. Obrigada. S. Bacana

Anônimo disse...

Cadê os homens visitantes desse blog ?? IMAX

Muito além de um jardim!

Flor cuidada por mim Flor Amorosa Num belo dia desejei só para mim Mulher amorosa e decente E como jardineiro diligente Semeei a...