sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Grande ironia...





Neste momento meu blog recebe um milhão de visitas, e eu... eu estou sozinho no meu apartamento...

A TIM, pra variar, me deixou na mão. A TIM apesar de ter um ótimo atendimento do SAC, tem uma conexão péssima. Para resolver o problema fiz um plano hoje na hora do crepúsculo com a claro, tive problemas de conexão pois o modem da TIM não veio configurado para receber outras operadoras. Fui a loja da claro, pois o serviço de atendimento telefônico deles é muito deficiente. 

Na loja da Claro, que fica no Center 3, na Av. Paulista resolveram o problema.  O meu obrigado ao Vitor e ao Diego que com simpatia, competência e excelência no atendimento: amenizaram o meu estresse.

Hoje não foi um bom dia, não foi uma boa noite, mas a satisfação de ver o número um milhão na tela do meu Blog foi um presente divino para um dia ruim. As mãos me doem, as costas também, está muito frio aqui, ao sair do center 3 bati uma foto do termômetro do itaú e estava 7º, é mole?

"Numa hora destas eu queria ter gente do meu lado, gente do meu lado de dentro!" (Carlos Kurare)

Hoje... não só a noite foi fria comigo.

Agora vou pegar este notebook, uma garrafa de vinho do porto, e subirei ao topo do meu prédio tomarei um pequeno cálice e baterei uma foto para futuramente resgatar este momento.

- Ah! Levarei meu celular caso você queira me ligar!
- Meu número?
- Peça pelo email que eu lhe envio!

Carlos Kurare

Sampa, 23:25

Email: carloskurare@gmail.com

Um adendo: tentei falar com aquela operadora morta, mas o cheiro ruim da memória dos péssimos atendimentos e a indiferença com a qual me trataram no passado me fizeram desistir. E como sou "vivo" evito entrar nessa cova.






A postagem abaixo foi feita originalmente em: 1/4/2010 10h14min.

 

 Guerra do Fogo...

Por ter sido pisado por muitos pés...
 é que me tornei um bom vinho!
Carlos Kurare


Nossa!!!


Maria Cereja, você me chamou a atenção para algo que não tinha me ocorrido!
O Mappin era uma antiga loja de departamentos que existia em Sampa. Em uma época que aqui também existia a garoa. Coisas que ficam grudadas à memória como bala de caramelo fica nos dentes. Sabe... sempre fica um resto de resto...no resto das reminiscências.

O Blog não tem fronteira, eu ainda vivo e penso na minha aldeia.
Aldeia lembra Pessoa, e eu, em pessoa, vou postar algo do Pessoa.
Aproveitar este sublime momento, no qual minha mente vagueia
Arrancar estas vestes paulistas já que sua voz ao vento ressoa.

- Carlos você está na “Guerra do Fogo”, culturas se misturam, da fusão do homem de neandertal e do homo sapiens surge uma nova tribo. A do Homo Sapiens Sapiens!

Minha tribo não tem espaço físico, ainda não tinha caído essa ficha
Preciso atentar para esse detalhe, ou acabarei  saindo da “bicha”*
Afinal, se “ouço” músicas de outras aldeias, e as canto como da minha.
Por que outros não me ouviriam... e não tomariam o vinho da minha vinha?

Por ter sido pisado por muitos pés... é que me tornei um bom vinho!
Carlos Kurare
Paris - 1/4/2010 10h14min

Danielle Licari - Concerto pour une voix

Bicha em portugal significa: Fila, pessoas esperando por um bem ou serviço.

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Você sabia que...


Não estou a postar tanto como eu gostaria...
  1. Infelizmente por conta de uma mudança de apto. estou  há um mês com dificuldades com a conexão à internet. Espero resolver esse problema em breve.
  2.  Outro fator que tem me atrapalhado muito são as fortes dores nas mãos, isso dificulta sobre maneira a digitação e o uso do mouse.Espero também melhorar em breve desse problema.
Graças ao Pilates e a quiropraticia, do fisioterapeuta Ronaldo, melhorei muito das costas e na semana passada consegui nadar, algumas vezes, 25 metros sob a água.

Isso mostra que continuo com um bom  fôlego para a superação.
Agradeço a sua compreensão e aproveite para ver as postagens antigas, pois há muita coisa boa lá atrás.
 
Um "bração"!
Carlos Kurare


Chico Buarque - Quando o Carnaval Chegar

Mude a marcha...



Temos que desacelerar nossas vidas ou, se não o fizermos, 
correremos o risco de percebermos tarde demais que o tempo... 
 “foice”!
Carlos Kurare

Sampa 15/06/12


Tocando em Frente - Almir Sater e Renato Teixeira

domingo, 26 de agosto de 2012

Homem: você está de TPM (Tensão pré mulher)? Entre na Justa ou saia DA Justa!

Desenho by Carlos Kurare

Sofrer por uma paixão é uma Cruzada insana,
mas... sofrer por um amor? 
Ah!  
É uma guerra santa!

Carlos Kurare






Justa
:
Substantivo feminino.
1. Combate entre dois cavaleiros armados de lança, na Idade Média; torneio.
2. P. ext. Luta, combate, pugna, contenda:
“Era um austríaco, que se fazia passar por belga, loiro, delgado, .... incansável nas justas amorosas, sempre bem-disposto.” (Urbano Tavares Rodrigues, A Noite Roxa, p. 100.)
3. P. ext. Questão, pendência.
Dicionário Aurélio

sábado, 25 de agosto de 2012

A verdade dói e " A verdade está lá fora"

Recebi o seguinte comentário:
Parabéns pelo número de acessos que tem conseguido pelo blog, mas quero fazer algumas críticas. Afinal sem críticas, e apenas com elogios exagerados e algumas vezes mentirosos que recebe pelos (poucos) comentários, se torna um pouco difícil melhorar o conteúdo do site. O fato de postar baboseiras pseudointelectuais não seria nenhum problema, se frequentemente não se referisse a pessoas "diferenciadas" ou "qualificadas" como o seu público alvo. Piora ainda mais quando você se auto-intitula um criador inteligente incluindo-se na categoria de pessoas "iluminadas", "qualificadas" ou "diferenciadas" que seriam dignos de ler esse site, e que convenhamos, não há nenhum conteúdo especial ou considerado diferenciado(no melhor sentido que essa palavra possa assumir) em todo o blog. Sem contar alguns textos que ainda que minúsculos, não puderam ser revisados porque o "cansaço" do autor tinha dimensões maiores que a própria criatividade. Salvo os vídeos de humor que tira do youtube, é muito difícil esboçar alguma risada com o conteúdo criado pelo autor do blog. Se eu tivesse a paciência de explorar o blog um pouco mais, provavelmente encontraria mais motivos de crítica.
Não é pessoal, apenas esbarrei no site, e a arrogância e o egocentrismo que emana das suas palavras me deixaram profundamente incomodado.

Resposta:
Caro leitor “en passant” Rigor Borges , li com atenção o seu comentário, e sinceramente não vi crítica alguma nele. Apenas vi um desabafo de alguém que sentiu-se” profundamente incomodado” com minhas palavras.
Caro esbarrador, pelas suas palavras fica evidente que realmente esbarrou no blog e ficou óbvio que não teve a intenção de ser pessoal, fica muito claro que apenas fala o que lhe vem ao coração... ou a cabeça!
Eu só discordo de uma coisa: você disse que meu Blog recebe poucos comentários, isso não é verdade. Saiba que eu recebo, diariamente, dezenas de comentários! Só não os publico, pelo fato de todos falarem mal de mim ou do meu Blog! E como sou extremamente arrogante, pretensioso e “Editatorial” eu simplesmente os omito. Saiba que farei o mesmo com o seu comentário, ou seja, não o postarei, pois não quero baixar ainda mais a minha baixa-estima ou deixar com que a kriptonita de suas palavras mate o meu superego.
A propósito, quero parabenizá-lo. Saiba que você expressa-se muito bem, eu tive que ler o seu comentário três vezes para sacar que não é um troll, ou alguém que, como eu, não tem mais o que fazer , além de escrever bobagens neste Blog!
Obrigado pelas críticas e prometo falar sobre elas, com o meu terapeuta Ronaldo. Não sei se lerá estás minhas palavras, afinal a probabilidade de você esbarrar novamente neste blog é de uma em ... UM MILHÃO!
Que a força esteja com você!
:o)
Carlos Kurare



Arquivo X -  X-Files - Abertura Brasil

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Rumo a Um Milhão de visitas... Obrigado a você!!!

Eu to chegando...


Oi! Você viu? Só faltam 15 mil visitas para o Blog atingir um total de 1 Milhão de visitas e, pelo número de visitas diárias, esse número ocorrerá ainda este mês. Mas eu gostaria de ter mais visitantes mensais, dá pra você me ajudar? É simples divulgue entre os seus amigos e colegas de trabalho, divulgue para pessoas diferenciadas como você e eu. Pessoas que gostam de rir, que têm sensibilidade para emocionar-se com minhas postagens. Enfim gente como a gente!


Dados fornecidos pelo Blogger que é uma empresa do Grupo GOOGLE.


Aguarde as novidades que virão em 2013.

Preciso de um Patrocinador ou de um Mecenas, se você souber de alguma grande empresa que queira anunciar no Blog me avise. Aceito açougue, padaria, ou mercadinho. Posto de gasolina não, pois não tenho carro!

Um grande abraço!

 Carlos Kurare

Simone "Tô Voltando", sucesso na voz de Chico Buarque, em SP

terça-feira, 21 de agosto de 2012

VERde novo: Curto-circuito (postado originalmente em: 23/06/2010



A luz nunca acaba. Quem acaba somos nós!
Quantas e quantas estrelas, que vemos brilhar no céu, já estão mortas! Apenas não nos conscientizamos disso. Pois ainda vemos seu espectro, vemos seu passado!
Carlos kurare
Sampa - 22/6/2010 12:07



Curto-circuito

Nosso tempo é curto-circuito, portanto...
curta o curto tempo que tem!
Pois a qualquer momento neste circuito no qual vivemos,
a eletricidade “escaCeará”, e como fótons-fátuos é fato: Apagaremos!
Inês foi pra vida, e fechou a porta.
Fechou o gás!
A Inês fugaz! Não voltará!

Como gás, Inês se esvai como um balão
que escapa da menina sobressaltada
A chama azul do butano fugaz
Amarela-se com o sorriso de rabanada
E a chama do fogo-fátuo do fogão
O chama para a realidade desapraz

A chama, o chama, para um insólito momento,
no qual você clama pelo incandescente, ardente, inconseqüente: fogo da paixão!
Mas Inês. Não o ama mais. Apaga, portanto sua labareda.
Inês não voltará
Amarelou como o papel do bilhete
Amarelou como o sorriso de paz
Envolto em gazes de Gaza
Que você com o tempo acatará
Pois Inês...Inês é morta e não voltará.
Rapaz! Inês... mumificou-se!
Carlos Kurare
Sampa - 22/6/2010 12:07




Adoniran Barbosa, nome artístico de João Rubinato, (Valinhos, 6 de agosto de 1910 — São Paulo, 23 de novembro de 1982) foi um compositor, cantor, humorista e ator brasileiro. Rubinato representava em programas de rádio diversos personagens, entre os quais, Adoniran Barbosa, o qual acabou por se confundir com seu criador dada a sua popularidade frente aos demais.

Pode apagar o fogo Mané - Martinho da Vila - Música de Adoniran Barbosa

sábado, 18 de agosto de 2012

É nóis!!!


eu a LÍ, eu a VI:A FELIZidade!



São 4 horas de uma mansa madrugada,
e a minha criatividade já está apagada!
Mas, eu quero lhe dizer minha pequena,
que o que é feito com amor: vale a pena!

Você foi feita com muito amor querida, tenho orgulho e respeito de suas conquistas! Parabéns e lembre-se que o papai inventou o esconde-esconde de lanterna, não pelo fato dele ter dificuldades de andar, mas sim, pelo fato dele poder criar! 

Procure sempre manter sua mente criativa em ação! Cerque-se sempre de boas pessoas, não perca seu tempo com os ladrões do tempo!
Tenha orgulho das dificuldades que enfrentou, e nunca tenha medo das agruras que a vida impõe. Lembre-se sempre que você é o que é por conta do que aprendeu ao superar obstáculos.

Um beijo carinhoso do papai!
Carlos Kurare


Só Chamei Porque Te Amo - I Just Called To Say I Love You - Stevie Wonder versão:Gilberto Gil

Vídeo: "Brilho Eterno De Uma Mente Sem Lembranças"

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Caçador de Mim

O que me assusta não é o temor de ser caçado na mata escura, mas sim o fato de eu ser presa de mim mesmo!
Carlos Kurare

Cacador de Mim - 14 Bis (Ao Vivo) - música de Sergio Magrão e Luiz Carlos Sá


Cacador de Mim - Milton Nascimento - música de Sergio Magrão e Luiz Carlos Sá



Caçador de Mim

Sergio Magrão e Luiz Carlos Sá

Por tanto amor
Por tanta emoção
A vida me fez assim
Doce ou atroz
Manso ou feroz
Eu caçador de mim

Preso a canções
Entregue a paixões
Que nunca tiveram fim
Vou me encontrar
Longe do meu lugar
Eu, caçador de mim

Nada a temer senão o correr da luta
Nada a fazer senão esquecer o medo
Abrir o peito a força, numa procura
Fugir às armadilhas da mata escura

Longe se vai
Sonhando demais
Mas onde se chega assim
Vou descobrir
O que me faz sentir
Eu, caçador de mim

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

VERde novo: Postado originalmente em 21/06/10

Poderia ser pior... você poderia ter um namorado assim
Olha! Pra quem reclama que não tem namorado: Pense!
Poderia ser pior... 
Você poderia ter um namorado assim:

Os 10 Piores Namorados do Mundo

Ou pior ainda...ele poderia ser assim:

Macho que é macho reage asssim

terça-feira, 14 de agosto de 2012

VERde novo: Postado originalmente em Sampa - 25/6/2010 02:23

Vamos à guerra pelo sexo! Pelo amor! Pela afinidade!

 




- Aqui não fazemos guerra de sexos! Guerra entre os sexos, ou sexo entre guerras! Pensando bem... Sexo entre guerras é bom! Portanto: “desdigo agora o que eu disse antes!” E digo: Aqui fazemos sexo que é uma verdadeira guerra! Só não rola sangue o resto: ROLA tudo!


- Aqui! Pelo contrário! Vamos à guerra pelo sexo! Pelo amor! Pela afinidade! ...e por alguém que pague nossas contas!- Ops! Falei demais! Escapou sem querer querendo.  ):o)
- Aqui! Os sexos opostos! Estão dispostos!
- Caramba! Quem não gosta de mulher, educada, intelectualmente refinada, culta e independente, que vá visitar o site: www.mulherehbichobao.com
- Pois, Mulheres são criaturas doces! São sensíveis a Gatos sensíveis! Têm afinidade com eles!
Como está difícil achar mulher refinada! Há muitas mulheres, mas, são todas destiladas! Ouvi dizer que essa escassez também afeta o mundo masculino.   Eu digo, aos freqüentadores deste Blog, sejam eles, homens, mulheres, ou outros.
- Sim! Há casos de comprovados de visitas ao Blog de Aliens, espíritos do bem, e de alguns raros espíritos de porco também!
Eu digo para os que querem acima de tudo! Um pouco de tudo! De tudo um pouco, e nada de nada!
Eu digo: "como pode conviver a luz com a escuridão"?
- Por falar em companhia, lembrei-me do filme "O feitiço de Áquila" (to doidinho para rever esse filme, sim... eu o tenho aqui, só falta à companhia). Lembra? Quando ele chega, ela se vai! Quando ela chega, é ele que se vai.
Mas sempre andavam lado a lado um fazendo companhia ao outro. Para quem não lembra: eles foram enfeitiçados, de dia ela é um falcão à noite ela transforma-se em mulher, mas ele transmuta-se em lobo. Isso é que é maldição! Não é não?

- É isso! Ao invés de praguejar contra a escuridão vá acender uma vela, cristão! Ou faça como eu, acenda logo uma fogueira!

Para quem não sabe, tenho até pederneira.
Faço fogueira com dois pedaços de madeira!
Com lenha seca, úmida ou lenha de moleira.
Só não acendo cérebro cheio de baboseira.
Você já reparou como há cérebros podres neste reino?
:o)
Os versos são pobres, mas... algumas vezes... sou


Texto sem revisão estou cansado demais para fazê-la!

Carlos Kurare


Sampa - 25/6/2010 02:23


Vamos rir um pouco?

Rachel Ripani - Garota de Programa - Stand-up comedy



Stand-up comedy é uma expressão em língua inglesa que indica um espectáculo de humor executado por apenas um comediante. O humorista se apresenta geralmente em pé (daí o termo 'stand up'), e na ausência da quarta parede.
Também conhecida como humor de cara limpa, a comédia stand-up privilegia o artista munido apenas do microfone, sem personagem, fantasia ou acessórios. O humorista stand up não conta piadas conhecidas do público (anedotas). É normal que se prepare números com texto original, construído a partir de observações do dia-a-dia e do cotidiano.

sábado, 11 de agosto de 2012

Eu tenho olhos de "ouvir " estrelas!


De comer teu corpo com este meu olhar faminto
Trago na minha boca o gosto amargo do absinto
Carlos Kurare
Sampa – 9/8/2012 03:34



Esse Chico é de esgarçar corações e mentes!

Chico: Bastidores - "Sinhá"

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Não tem explicação...

Explica pra mim:

como terminamos
 algo que
 não começamos?
Pra mim:

 só o que teve começo
... pode ter fim!
Carlos Kurare
Sampa - 09-08-2012

Eu te amo - Chico Buarque
Dica de vídeo: Lina - RJ

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Ao seu lado o tempo não passa... ele voa!!!

Cartum do genial Quino
Eu tinha um encontro marcado para a tarde de uma tarde tardia.
Eu tinha um encontro desmarcado por conta de falta de alforria.
O encontro marcado foi subitamente cancelado devido: disritmia.
Enquanto, o encontro desmarcado aconteceu... em pura euforia!
Carlos Kurare
sampa - 08/08/2012



Pela Luz dos Olhos Teus - Miúcha e Tom Jobim canção de Vinícius de Moraes



alforria

2. P. ext.Libertação de qualquer jugo ou domínio.

disritmia

1. Med. Distúrbio de ritmo, como, p. ex., do ritmo cardíaco, do cerebral, etc.

© O Novo Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa.

quarta-feira, 8 de agosto de 2012

VERDE novo: Ainda há tempo!



"Devia ter complicado menos. Trabalhado menos. 
Ter visto o sol se pôr..."
Mas... eu sou pai e tinha minhas obrigações... 
Para você, Papai e Mamãe que me lê:desejo um bom dia! 
Só você sabe o duro que deu para fazer a coisa certa, não é verdade?!
Graças a pessoas como você, que ainda acredito numa civilização melhor!
Espero que sua cama abrigue um travesseiro de plumas macias e amorosas esta noite. 
E que a fada da garoa lhe permita uma noite leve!

Carlos Kurare

Titãs Epitáfio




Epitáfio
Titãs
Composição: Sérgio Britto

Devia ter amado mais
Ter chorado mais
Ter visto o sol nascer
Devia ter arriscado mais
E até errado mais
Ter feito o que eu queria fazer...

terça-feira, 7 de agosto de 2012

VERDE novo: Era uma noite de luar...


"Eu era autista, agora sou aRtista." Juliana Paraiso


Era uma noite sem luar...

Era uma noite sem luar.
Imensa escuridão!
Não sentia meu paladar.
E com sofreguidão,
No limbo ouvi Juliana cantar.

Eu com tanta preocupação...
E Juliana canta nuvens de algodão!
Tiro do ouvido a teia!
Esforço-me para ouvir seu pranto
Mas Juliana não pranteia
Lamento não ouvir antes o seu canto...

Sabe Juliana... eu não ouvia pois tinha nuvens nos ouvidos e neve sobre os olhos.

Um beijo para Juliana!
Que me tocou com o toque de um violão.
Que me encantou com o canto de sua canção.
Obrigado por derramar sobre mim sua música!
Eu guardá-la-ei em meus cântaros de emoção.

As rimas são pobres...
Rica é a canção de Juliana Paraiso...
Carlos Kurare




"Os Autistas possuem a doença do "não terem o que os Outristas querem"


Juliana Paraiso










"Era uma noite de Luar",music by Juliana Paraíso,é só clicar no play e curtir!
Clique aqui e conheça mais sobre autismo, e ouça Juliana Paraiso:




Noite de Luar

Era uma noite tão bela
O céu escureceu
O céu ficou tão preto
Foi uma noite de luar

Imagine as estrelas
Deus tá adorando
Era uma noite de luar

Imagine as estrelas
Deus tá adorando
Era uma noite de luar

Vejo o céu escurecido
As estrelas tão acesas
E os anjos tão perdidos
E as nuvens de algodão

Imagine as estrelas
Deus tá adorando
Era uma noite de luar

 Juliana Paraiso


Ouça outras músicas de Juliana Paraiso!
Clique aqui : Noite de Luar
Clique aqui: Êê...Vidão
Clique aqui: Jeito de prazer
"Aparecerá uma janela com o nome de minha música e é só clicar na setinha de "play" e pronto!!
Obrigadaaaa!!! Beijo de Juliana Paraíso! "







"Há doenças extravagantes que consistem em querer o que não se tem"


"Esta frase pertence a André Gide em seu livro “Os frutos da terra” (1950), prêmio Nobel de Literatura da época. Quando escreveu esse livro, o autor acreditava que morreria brevemente, devido a uma doença da qual estava sofrendo. Tomando como referência essa observação de Gide, e transpondo-a para a questão da construção da pessoa autista, pode-se dizer que, de certa forma, esta é muitas vezes tida como uma pessoa doente por não possuir características que “o outro” espera que possua.

A pessoa autista deveria saber o que o outro espera dele, mas não sabe; deveria corresponder sincronicamente à expectativa do outro, mas não sabe que deveria; deveria reproduzir o que lhe foi ensinado em crenças e valores, mas não reproduz; deveria andar direito, como os outristas andam, mas não conseguem; deveriam se comportar à mesa de acordo com as regras de etiqueta, mas não o fazem; deveriam reproduzir as regras de boas relações no ambiente profissional, mas não entendem as manhas sociais dos outristas...
Disse Gauderer (1993:318):
“Mas a pessoa autista não sabe o que o outro espera dela. Parece que falta à criança autista uma teoria da mente, ou seja, ela tem uma incapacidade de se relacionar adequadamente aos pensamentos e emoções de uma outra pessoa ... e não tem a capacidade normal de ‘juntar’ comportamentos de outras pessoas em benefício próprio”.Até onde foi observado através da multivocalidade dos discursos que compuseram meu trabalho, a pessoa autista vem sendo concebida como “pessoa que constrange”, por exibir um comportamento socialmente inapropriado. Isto nos remete ao arquétipo do ser incomum e desvalido, análogo ao arquétipo contido na estória do “Patinho Feio”, de Hans C. Anderson, interpretada por Pinkolas (1997:218).
“Na história, as diversas criaturas da comunidade examinam o patinho ‘feio’ e de um modo ou de outro o declaram inaceitável. Na realidade, ele não é feio. Só não combina com os outros. A mãe pata a princípio tenta defender esse patinho, que ela acredita pertencer à sua prole. Afinal, porém, ela fica profundamente dividida em termos emocionais e deixa de se importar com o filhote estranho. Seus irmãos e outros membros da comunidade atacam-no e o atormentam. Sua intenção é a de fazer com que ele fuja. Isso é terrível, especialmente levando-se em conta que ele na realidade não fez nada que justificasse esse tratamento a não ser ... agir um pouco diferente dos outros."
Muitas pessoas exteriorizaram para mim um sentimento não apenas de constrangimento ou vergonha por terem em seu grupo alguém tido como “diferente”, mas também o sentimento de impotência por não terem a expectativa do “alívio do mal” que os aflige, da “cura” e, por outro lado, por não conseguirem abandoná-lo. Tudo isso pode explicar a questão do isolamento social que ocorre também com as famílias desses autistas.
Sacks (1999:283), em seu livro “Um antropólogo em Marte”, afirma que:
“de fato, em alguns autistas esse sentimento de uma diferença radical e inerradicável é tão profundo a ponto de levá-los a ver-se ... quase como membros de outras espécies, e a sentir que o autismo, embora possa ser visto como uma condição médica, e patologizado como uma síndrome, também deve ser encarado como um modo de ser complexo, uma forma de identidade profundamente diferente, de que se deve ter consciência."" (peguei o texto aqui: autistaseoutristas)



Filme que recomendo sobre o tema: Rain Man

sinopse:
Um jovem yuppie (Tom Cruise) fica sabendo que seu pai faleceu. Eles nunca se deram bem e não se viam há vários anos, mas ele vai ao enterro e quando vai cuidar do testamento fica sabendo que herdou um Buick 1949 e as roseiras premiadas do seu pai, sendo que um "beneficiário" tinha herdado três milhões de dólares. Fica curioso em saber quem herdou aquela fortuna e descobre que foi seu irmão (Dustin Hoffman), que ele desconhecia a existência. O irmão dele é autista, mas pode calcular problemas matemáticos complicados com grande velocidade e precisão. O yuppie seqüestra seu irmão autista da instituição onde ele está internado, pois planeja levá-lo para Los Angeles e exigir metade do dinheiro, nem que para isto tenha que ir aos tribunais. É durante uma viagem cheia de pequenos imprevistos que os dois se compreenderão mutuamente e entenderão o significado de serem irmãos.(sinopse e mais dicas sobre o filme aqui)





Gostaria de ir passear neste domingo...talvez no parque...

Domingo no Parque - Gilberto Gil


ou então simplesmente fugir deste lugar e ir para um lugar qualquer...

Vamos fugir - Gilberto Gil

Muito além de um jardim!

Flor cuidada por mim Flor Amorosa Num belo dia desejei só para mim Mulher amorosa e decente E como jardineiro diligente Semeei a...