sábado, 30 de abril de 2011

Eu quero ir além...Além da imaginação! Quer vir comigo?


O homem comum apegado as suas crenças não nos dá medo. Mas muitos homens comuns apegados às mesmas crenças e manipulados por um homem incomum é, digamos... assustador!

Sampa - 29/4/2011 14:11

Carlos Kurare

Fé dá forças nas horas insanas.
Mas cuidado! Pois a fé em excesso
nas frágeis mentes humanas...
dá ao cérebro um grande abscesso.
30/4/2011 05:29 - Sampa
Carlos Kurare

Clique nas imagens para aumentá-las, dessa forma você poderá ver os detalhes.


"Há uma quinta dimensão além daquelas conhecidas pelo Homem.
É uma dimensão tão vasta quanto o espaço e tão desprovida de tempo quanto o infinito.
É o espaço intermediário entre a luz e a sombra, entre a ciência e a superstição; e se encontra entre o abismo dos temores do Homem e o cume dos seus conhecimentos. 

É a dimensão da fantasia. Uma região Além da Imaginação".

Eu fiz uma postagem anterior com outro episódio completo da série e uma história vivida por mim, na qual me vi num mundo além da imaginação. Veja aqui:


Os monstros têm de estar na rua Maple - 1


Os monstros têm de estar na rua Maple - 2


Os monstros têm de estar na rua Maple - 3




O Túmulo Submerso

"Há uma quinta dimensão além daquelas conhecidas pelo Homem. É uma dimensão tão vasta quanto o espaço e tão desprovida de tempo quanto o infinito. É o espaço intermediário entre a luz e a sombra, entre a ciência e a superstição; e se encontra entre o abismo dos temores do Homem e o cume dos seus conhecimentos. É a dimensão da fantasia. Uma região Além da Imaginação".

Esse é o nostálgico e memorável texto de abertura de todos os episódios de uma das mais fantásticas e imortais séries de televisão de ficção científica, horror e fantasia de todos os tempos: Além da Imaginação (The Twilight Zone, 1959/1964). A introdução é narrada originalmente por seu criador Rod Serling, que também é o responsável por outra série similar do início dos anos 70, Galeria do Terror (Night Gallery, 1970/1972). Esta última, teve um filme piloto chamado "Retrato de Um Pesadelo", dividido em três episódios independentes, onde curiosamente um deles foi dirigido por Steven Spielberg em sua estréia profissional.

Serling, juntamente com os escritores Richard Matheson e Charles Beaumont, são os autores da maior parte dos roteiros de Além da Imaginação, em seus inesquecíveis episódios com temática fantástica, abordando histórias com elementos sobrenaturais ou inexplicáveis, como viagens no tempo, mundos paralelos, robôs, andróides, viagens espaciais, alienígenas, assombrações, fantasmas, vampiros, demônios, monstros e todo tipo de situações misteriosas e estranhas ambientadas na chamada "Zona do Crepúsculo" (Twilight Zone, do título original).

sexta-feira, 29 de abril de 2011

Sapatos de cristal...


Sapatos de cristal... um dia... eles quebram.
Carlos Kurare

Cinderella - Cinderela, Cinderella

VerDE Novo: No dos outros é refresco...






Aqui C.K.ass!

A postagem abaixo foi feita originalmente em 28/03/10.

Oi!

É o seguinte, amanhã serei operado. Devo ter alta na terça,  talvez o blog fique sem postagem na terça... talvez não.

- As cirurgia, é uma de hérnia umbilical e outra de fissura anal (tinha que rimar?).
- Foi um bom negócio, sabe? Farei dois procedimentos pelo preço de um.
- Uma amiga me disse: relaxe a cirurgia de fissura é simples, é simples por que não é no dela que vão mexer!!! Pimenta no r@bo dos outros é refresco. Né não?
- Bom o cirurgião me disse que o único risco que corro é perder o domínio do esfíncter, e evacuar sem o devido controle.
- Fiquei tranqüilo ao ouvir isso, pois... mais merda do que já faço é impossível! Portanto, o risco é zero!

Caso o blog, não seja atualizado
a partir de quinta com a devida maestria.
É porquê não tem mais significado!
Pois fiquei pra sempre, na mesa de cirurgia.

Carlos Kurare

Que felicidade!

Seu Jorge e Ana Carolina - Chatterton

quinta-feira, 28 de abril de 2011

De graça até injeção na sua testa!!!

Kurare em mais um dia de labuta em seu confortável escritório

Quer ganhar um brinde?
Eu quero saber, quem será o visitante número 200.000 do Blog do Kurare.
Essa mórbida curiosidade me predispõe a presenteá-lo por essa informação privilegiada.
Quem enviar o número mais próximo dos 200mil, ganha um brinde!

Poderá ser o leitor 200.001 ou outro número, não importa! O mais próximo dos 200.000, ganha!!!
Dê um printscreen na página, um ctrl + s ou bata uma foto e envie o arquivo para o email:

carloskurare@gmail.com


Você deve estar se perguntando: qual será o brinde? Talvez seja... uma caneca, talvez uma camiseta, talvez um cartão com uma frase ou um poema inédito, ou talvez...

Um abraço!!!

Carlos kurare



Lenine - Paciência (Vídeo clip oficial)

VerDE Novo: Por falar em Jupiter 2...




Eu gostava muito do "Robot”, ele era assim... tão humano! E o Dr. Smith? O vemos tão presente na hodiernidade, sempre tão incorporado nas pessoas que orbitam à nossa volta. Eu tive um Robô de plástico comprei-o numa feira livre, puxa! Sou do tempo que vendiam brinquedos nas feiras livres. Por Tutatis!!! Sou do tempo que existiam feiras!!!


A postagem abaixo foi feita originalmente em 28 de abril de 2010.

Perdidos no Espaço é uma série que conta as aventuras no espaço da família Robinson , a bordo da nave Júpiter 2, juntamente com o Robô e o Dr. Zachary Smith ( genial interpretação do ator Jonathan Harris).

Nada tema com Smith não há problema! Rsrs! Como esquecer esse bordão? Sinto muito crianças do século XXI, mas tive a felicidade de ver as séries do século XX. Os defeitos especiais eram muitos, mas os roteiros eram brilhantes e cativantes! Os filmes de hoje são como os anúncios estampados na maioria dos fast-foods, são belíssimos, são plásticos! Parecem divinas aquarelas em papel branco, mas na hora que vamos comê-los têm gosto de...  papel e plástico. São insípidos como turfa (não confundir com trufa). 
?:o)
Carlos Kurare



A série
No final do século XX a Terra enfrenta o problema da super-população, que se torna crítico. A solução é a colonização do espaço sideral, começando por um planeta na órbita da estrela Alfa Centauri. Considerando o alcance da tecnologia americana, ele é o único planeta capaz fornecer condições ideais para existência humana.
Em 16 de outubro de 1997, o governo americano, através do Controle Alfa, lança a moderna e poderosa nave Júpiter 2, com a primeira família selecionada e treinada para dar início à colonização: os Robinson. É composta pelo pai John (professor de astrofísica e geofísica), pela mãe Maureen (bioquímica) e pelos filhos Judy, Penny e Will. Acompanhando-os, está o Major Donald West - piloto da nave - e um robô, programado para auxiliar a família no processo de colonização. Os Robinson e Don West foram colocados em estado de animação suspensa devido à longa viagem. O piloto automático da nave foi acionado.

Elenco da série
Entretanto, ocorre um imprevisto. O psicólogo do Controle Alfa, Coronel Zachary Smith, reprograma o robô dos Robinson para destruir a espaçonave após oitos horas de seu lançamento. Smith, na verdade, trabalha para um governo inimigo. Durante a produção da série (1965/68) o mundo estava em plena Guerra Fria, e assim, foi oportuno colocar o vilão como agente de uma potência inimiga dos Estados Unidos.
Ao fazer a checagem final de seu plano maléfico, Dr. Smith acaba ficando preso na nave e segue viagem na Júpiter 2. Com o peso extra de Smith, a nave sai de seu curso indo para o meio de uma chuva de meteoros. Após se livrar dos meteoros e anular a ação destrutiva do Robô, a família Robinson resolve tentar cumprir a missão de chegar à Alfa Centauro, apesar de estarem perdidos no espaço, pelos danos ocorridos na nave. O único a não concordar com a resolução é o "clandestino teimoso" Zachary Smith, que vai passar toda a série tentando voltar à Terra, principalmente por meio de traições e covardias. (peguei este texto aqui: retrotv.uol.com.br/ )

Perdidos no Espaço -  Primeiro Episódio completo


Hoje...

Entendo que coisas ruins acabem, mas quando as boas esvanecem-se diante dos meus olhos, sinto um aperto aqui dentro. Um aperto de partida! 
Carlos Kurare
Veja o que achei na maravilhosa caixa de Pandora que é o youtube:


PERDIDOS NO ESPAÇO - Imagens


Memórias Perdidos no Espaço - Parte 1 de 3


Memórias Perdidos no Espaço - Parte 2 de 3


Memórias Perdidos no Espaço - Parte 3 de 3


Feira livre
1. Bras. Feira (1) onde se vendem sobretudo legumes e frutas, ger. realizadas em dias fixos. [Tb. se diz apenas feira.]
© O Novo Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa.

quarta-feira, 27 de abril de 2011

VerDE Novo: Nome da nau de Cabral?


A postagem abaixo foi feita originalmente em 27 de abril de 2010, não revisei.


A comentarista Isabel me fez a seguinte pergunta: "Carlos, achei muito interessante vc falar sobre a História do Brasil e estou interessada no livro que indicou... Mas afinal, como era o nome das naus de Cabral?"
Como sei que algumas pessoas têm dificuldade para ler os comentários (não vou nem mencionar os que têm dificuldade de entendê-los!!!
Esta é a resposta que postei para a gentil comentarista:

- Nome das naus de Cabral?
- Sei lá!!!
- Vá perguntar ao Bispo!
- São tantos os desencontros de informações!
- Veja eu sei o nome da arca do Noé!
- Sei o nome da Argo, a embarcação dos argonautas que a utilizaram em busca do Velocino de ouro.
- Sei o nome da nave que pousou na lua (Eagle).
- Sei o nome das naus que descobriram a América do Norte.
- Agora... eu o Brasil e Portugal... Não sabemos o nome das naus que descobriram o Brasil!!!
- PORTUGAL nos deve isso!!!!
Hello!!!! É só investirem “grana”, para a pesquisa, que a informação aparecerá!
- Não acredito que após 500 anos de descobrimento ainda não descobriram o nome da nau que descobriu o Brasil???!!!

Acabo de iniciar a campanha: Quero o nome certo da nau do Cabral!

Inventemos um nome para a magnífica Nau,
até que matem a cobra e nos mostrem o pau!
Vamos lá... respondam pra mim! Brasil ou Portugal!
Qual o nome da nau de Pedro Álvares Cabral?

- O primeiro nome que sugiro é Júpiter II (sim... a nave da família Robinson  de perdidos no espaço. Já que os historiadores estão “perdidaços” no assunto, talvez... até mais do que os roteiristas de Lost.

Eu não entendo como nós e os portugueses não temos essas informações claras. Não é a toa que todos sabemos o nome das embarcações que chegaram a América do Norte, e não sabemos das que chegaram ao Brasil. Começo a entender por que nosso povo não tem memória... apenas vagas lembranças...
Perdi a paciência e tenho outras coisas para fazer... Caso haja, no recinto, algum professor de história que possa me ajudar neste momento... por favor socorra-me!Naveguei na internet e encontrei um mar de sargaços, li tanta bobagem sobre o fato que cansei de pesquisar.
São Gabriel era a nau capitânia* (há divergências entre os historiadores não é ponto pacífico sobre se esse era realmente o nome da nau). Veja detalhes das embarcações dessa época aquiCausamerita
Carlos Kurare

Nota que dá pé:
*capitânia não é o nome da nau, mas sim:
Substantivo feminino. 1. Mar. G. Em um conjunto de navios, aquele em que se acha embarcado o comandante (capitão) de uma força naval. [Cf.capitania.]

Ok... sou um incansável pesquisador: um Indiano Jonas no templo da perdição! Acabo de achar este artigo:

Um lapso histórico e suas compensações

Incerto, o nome da nau de Cabral não faz falta

"Cristóvão Colombo, qualquer colegial sabe, descobriu a América com a Santa Maria, a Pinta e a Niña. Darwin deu a volta ao mundo a bordo do Beagle. James Cook chegou à Austrália com o Endeavour e o Mayflower desembarcou peregrinos nos Estados Unidos. Agora, responda rápido: qual o nome do navio com o qual Pedro Álvares Cabral aportou no Brasil? Certo, você ignora. Diga, então, o nome de pelo menos uma das embarcações que faziam parte da esquadra cabralina. Bem, respire aliviado: não se trata de um desconhecimento indesculpável de sua parte. Com exceção dos nomes de duas naus e de uma caravela, ninguém sabe como se chamavam os navios comandados por Cabral.
Clique no link abaixo para abrir o resto da postagem!

terça-feira, 26 de abril de 2011

De graça até injeção na sua testa!!!

Kurare em mais um dia de labuta em seu confortável escritório

Quer ganhar um brinde?
Eu quero saber, quem será o visitante número 200.000 do Blog do Kurare.
Essa mórbida curiosidade me predispõe a presenteá-lo por essa informação privilegiada.
Quem enviar o número mais próximo dos 200mil, ganha um brinde!

Poderá ser o leitor 200.001 ou outro número, não importa! O mais próximo dos 200.000, ganha!!!
Dê um printscreen na página, um ctrl + s ou bata uma foto e envie o arquivo para o email:

carloskurare@gmail.com


Qual será o brinde? Talvez uma caneca, talvez uma camiseta, talvez um cartão com uma frase ou um poema inédito no Blog, ou talvez...

Um abraço!!!

Carlos kurare



Lenine - Paciência (Vídeo clip oficial)

Me Espanca com essa bela Flor!


Ah! Me Espanca com essa bela Flor! 
Carlos Kurare


Fanatismo - Florbela Espanca - Voice Carlos Kurare


!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Não ser

 
Ah! arrancar às carnes laceradas
Seu mísero segredo de consciência!
Ah! poder ser apenas florescência
De astros em puras noites deslumbradas!


Ser nostálgico choupo ao entardecer,
De ramos graves, plácidos, absortos
Na mágica tarefa de viver!
...


 
Quem nos deu asas para andar de rastos?
Quem nos deu olhos para ver os astros
- Sem nos dar braços para os alcançar?!...
   
Florbela Espanca


Fanatismo

Minh’alma, de sonhar-te, anda perdida.
Meus olhos andam cegos de te ver!
Não és sequer razão do meu viver
Pois que tu és já toda a minha vida!
...


E, olhos postos em ti, digo de rastros:
Ah! Podem voar mundos, morrer astros,
Que tu és como Deus: Princípio e Fim!...

Florbela Espanca

Fanatismo - Fagner

segunda-feira, 25 de abril de 2011

VerDe Novo... Matéria postada um ano atrás...

Quadrinhos...
Hagar - Dik Browne


Basta clicar nas imagens para vê-las em tamanho grande!














Mafalda - Quino



Que tal um desenho da minha heroína Hardy(ops!) e de seu inseparável amigo Lippy
Lippy e Hardy - dublado - A Musement Park Lark

domingo, 24 de abril de 2011

Feriado prolongado


- Obaaaaaaaaaaa!
- Voltei a andar!
- Já não sinto dor! ´
- Exceto a do dente...
- A das costas....
- A de... consciência!
?:0)


Recebi um convite para passar um final de semana entre amigos! Não sei não... não gostei do entre, prefiro ficar ao lado dos amigos e... entre as amigas!  ?:o)
Kurare

Hallelujah - Jason Castro


Jason Castro - Somewhere Over The Rainbow - Versão Estúdio

sábado, 23 de abril de 2011

Stand-up - Politicamente Incorreto - Danilo Gentili

Porque hoje é sábado...

Aviso aos desavisados: quem não é politizado não vai achar graça!

Politicamente Incorreto - Danilo Gentili - 01/10/2010 [COMPLETO]


Se você não é lobotomizado, veja aqui o Fod@-se a constituição.

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Coisas boas deviam ser eternas...

 
Por que coisas boas acabam? ...Não sei! ... Sinceramente não sei...
Entendo por que coisas ruins acabam, mas quando as boas esvanecem-se diante dos meus olhos, só sei que sinto um aperto aqui dentro... Um aperto de partida...


Simon e Garfunkel Sound Of Silence Leg


Assim el condor passa... a dor também passará... Hoje eu vislumbro um futuro sem dor! A dor crônica já foi protagonista, por tempo demais, na crônica da minha vida. 

Droga! Quando escrevi isto em fevereiro passado, devia tê-lo publicado na ocasião, não o fiz. Agora sinto este amargor na boca... alguém na platéia pode me dar um bis?

Simon e Garfunkel El Condor Pasa


Você pode me ajudar? Tem aquela música que a Elis cantava: já estou cansada de matar cachorro a grito e a platéia só pede bis. O que a platéia quer é ser feliz. Não acho na net!!!

Muito além de um jardim!

Flor cuidada por mim Flor Amorosa Num belo dia desejei só para mim Mulher amorosa e decente E como jardineiro diligente Semeei a...