sábado, 25 de setembro de 2010

"A saudade é a nossa alma dizendo para onde ela quer voltar." Rubem Alves.




"A saudade é arrumar o quarto do filho que já morreu"...Isso é que é entender de saudade! Grande Chico! Que falta você nos faz! (no rádio, nas tv e no palco).

"A saudade é a nossa alma dizendo para onde ela quer voltar." 
Rubem Alves.  (Dica da querida amiga Norma)



Pedaço de mim - Zizi Possi e Chico Buarque - comp. Chico Buarque



Pedaço de Mim
Chico Buarque
Composição: Chico Buarque

Oh, pedaço de mim
Oh, metade afastada de mim
Leva o teu olhar
Que a saudade é o pior tormento
É pior do que o esquecimento
É pior do que se entrevar

Oh, pedaço de mim
Oh, metade exilada de mim
Leva os teus sinais
Que a saudade dói como um barco
Que aos poucos descreve um arco
E evita atracar no cais

Oh, pedaço de mim
Oh, metade arrancada de mim
Leva o vulto teu
Que a saudade é o revés de um parto
A saudade é arrumar o quarto
Do filho que já morreu

Oh, pedaço de mim
Oh, metade amputada de mim
Leva o que há de ti
Que a saudade dói latejada
É assim como uma fisgada
No membro que já perdi

Oh, pedaço de mim
Oh, metade adorada de mim
Lava os olhos meus
Que a saudade é o pior castigo
E eu não quero levar comigo
A mortalha do amor
Adeus

7 comentários:

Anônimo disse...

A letra dessa canção é linda,muito bem !!!
Ah ... que saudade das coisas boas que vivi e que marcaram-me de alguma forma!!! Silvana Bacana.

Luna disse...

Carlos,

Saudade é tudo que senti ficando ausente por uns dias...

Mas estou de volta e você vai ter que me aturar! rsss

Ah... adoro essa música!

Beijos!

Gabriel disse...

Saudade mesmo, de verdade, intensa é aquela que vai chegando aos pouquinhos, quando vc ouve uma música, ouve uma voz, um perfume ou uma frase ou coisa qualquer coisa que te faça lembrar aquilo que estava ali guardado, quieto por algum tempo.E aí ela vai ficando grande, seus olhos começam a encher de lágrimas e vc começa a chorar, a soluçar...dá um jeito de se esconder correndo pra não te verem.Quando já chorou tudo que podia, lava os olhos,enxuga, dá uma disfarçada e retoma de onde parou.Com o tempo,ela vai ficando pequenininha, do tamanho que deve ser.

Helena disse...

ops...desculpe, escrevi pelo login do meu filho Gabriel...falha técnica, corrige aí pra mim!

Carlos Kurare disse...

Ola Helena
Isso não é possível não tenho ingerência sobre o que é escrito. Só posso publicar se for na íntegra, ou não publicar.
Deixei seu comentário suspenso.
O que quer que eu faça?

Carlos Kurare disse...

Se quiser mandar no seu nome eu o apago!

Helena disse...

RS....ficou o dito pelo não dito!( ou o não dito pelo dito, eu nunca tenho certeza....)beijo

Muito além de um jardim!

Flor cuidada por mim Flor Amorosa Num belo dia desejei só para mim Mulher amorosa e decente E como jardineiro diligente Semeei a...