quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Ultimamente ando a matar cachorro a grito.




A partir do dia 02 vou me embora pra Passárgada. Ficarei ausente de Sampa por uns doze dias. Tentarei manter o ritmo da postagem, mas vai ser difícil, pois vou pra Brasília. Se já ouviu falar em osmose? Sabe como é? Vou relaxar!
Para os “trolls” de plantão: a suave ironia refere-se a uma parte da classe política, e não aos brasilienses, conheci ao longo dos últimos meses vários brasilienses, e tirando os funcionários públicos gostei de todos!
... É brincadeira...afinal 94,8% das pessoas com as quais falei, são funcionários públicos e, provavelmente, vão me receber bem... Ou não! :0)

Estou com uma senhora gripe enfurnada dentro de mim. A dama parece ser malévola, afinal a garganta dói e me deixou com os olhos vermelhos e grudentos. Ao engolir parece que bebo areia e esta vai lixando minha garganta sem ressentimentos. Minha voz está tão rouca quanto à de um bêbado qualquer do centro da cidade.

Sessão de descarrego Ato-I:
Peço desculpas a todos que me enviam e-mails, não tenho como responder a todos prontamente. Vou respondendo na medida do possível. Não mandarei respostas genéricas.
As pessoas que usam este canal para entrar em contato comigo sobre assuntos não relacionados ao Blog, tenham o dobro da paciência, pois em primeiro lugar, este canal de comunicação é do meu leitor.

Aos comentários sempre que posso respondo, pois me é prazeroso fazê-lo. Quem se expõe, quem participa faz por merecer a minha admiração. Se não respondo fico devendo... Devo, não pago! Nego enquanto puder!

Gostaria na verdade de responder a todos que se comunicam comigo da melhor forma possível, mas infelizmente não é possível, pois “tempus fugit”.

Nessas horas é que vejo a sapiência prática de minha mãe, em sua simplicidade ela diz: “O que não tem remédio, remediado está!”

Ultimamente ando a matar cachorro a grito. Suo sangue aqui. Mas estou feliz. Estou bem. Pois conto só comigo! (primeira mentira do dia). Se realmente contasse só comigo, estava ferrado como um burro, pois cuido mal de mim.

Carlos Kurare






Pois é, Seu Zé - Gonzaguinha

6 comentários:

Lee disse...

Faça uma boa viagem, relaxe e divirta-se muito...cuide-se bem! Fique novo! beijinhos...

Márcia Santos disse...

Boa viagem Carlos... aproveite muiiiito, afinal viajar é bom demais...eu queria passar minha vida viajando, se algúem pudesse me emprestar uma outra vida pra eu passar em casa...
reserve um tempinho pra suas leitoras de plantão...please

Anônimo disse...

Carlos,
q a Pasárgada por onde você for, possa reconstruir teus sonhos... não como forma imperfeita neste mundo de aparências, mas na ilustre paisagem fabulosa que Manuel B. a quis.
Desejo-te uma boa viagem! Melhoras... Paz e Bênção...Seja feliz!!!
Abraço...
Tere

Luna disse...

Carlos,

Boa viagem!

Estou ansiosa para que a sua voz fique boa logo, nem que para isto tenha que suportar a sua "AUSÊNCIA" por alguns dias.(rss)

Espero que você encontre o tempo necessário para se cuidar, se divertir e quem sabe ver e ouvir estrelas...

Bjs

Carlos Kurare disse...

Meninas! Vocês são uns "docinho de coco", "seis" tão "mi" deixando loco! :o)
Uma boa semana para todos.
Estou ainda no ápice da gripe!

Red Santos disse...

Oi, Carlos! Sua mãe é uma sábia muito parecida com a minha sábia mãe. Estou apaixonada por ela e pelos textos que vc faz sobre seus pais. Pena que a minha mãe já virou sabiá e tá no céu, ela ia adorar a sua... Bjs.

Muito além de um jardim!

Flor cuidada por mim Flor Amorosa Num belo dia desejei só para mim Mulher amorosa e decente E como jardineiro diligente Semeei a...