sexta-feira, 8 de outubro de 2010

A solidão é mais palatável quando servida à francesa e para dois.



Eu só sei que quanto mais próximo do cume o alpinista chega, mais ele fica só.
Não que isso seja ruim, mas cá entre nós,
e que ninguém nos ouça: é mais gostoso quando temos
boa companhia ao nosso lado para apreciar a paisagem.
Convenhamos... o por do sol a dois é muito mais escarlate!



A solidão é mais palatável quando servida à francesa e para dois. 
Principalmente na mesma mesa!
Eu sei que a frase é incoerente, mas...
mais incoerente... é ser só!
Em um mundo com 6 bilhões de pessoas!


Mexa-se!!!

Carlos Kurare
Sampa - 30/9/10 07:35

Mulheres como as que navegam por este humilde Blog é que me dão a esperança que haja um pote de ouro no fim do arco-íris!
“Um dia precisamos reunir essa turma de comentaristas para um papo” Luna.

Parabéns pelos comentários postados diariamente meninas! Eles são o sal da terra!



Edith Piaf - Non, Je Ne Regrette Rien - Para ver o vídeo com legenda clique aqui.



Porto Solidão - Jessé



Você não me ensinou a te esquecer - Caetano Veloso



La vie en rose - Louis Armstrong



Só um adendo: 
Geralmente meus textos estão na cor terra.
Os textos de outros autores geralmente estão em preto. Sempre coloco aspas e coloco a autoria.
Caso eu omita a autoria: me cobre!
Sim... acredite em mim, 
eu  também cometo erros!
:0) 
Ps.: Algumas  imagens acima são em alta resolução. Você pode usá-las como papel de parede. Dê dois cliques na imagem depois clique com o botão direito do mouse e opte por salvar como.

10 comentários:

Erika Azevedo disse...

É gente! Quanto mais próximo do cume o alpinista chega, mais solitário está. Pois é muito difícil chegar até ele. E vivemos num mundo de facilidades, onde não se quer enfrentar as tempestades. Basta o primeiro vento gelado em nossa face, para desistirmos da escalada e descermos... e continuar comendo pão com banana. O banquete lá na montanha e a nossa falta de coragem aqui em baixo.
O alpinista passa a ser o sonho não realizado de cada um de nós.
Por isso, amigo, estás só, no cume de uma montanha.

disse...

Bom dia...falando em sábado e em banho n'alma, amanhã não passsarei por aqui, pois vou banhar minha alma nas cachoeiras de São Francisco Xavier, e pretendo, tal como vc fez outro dia Carlos, permanecer sem computador e com o celular desligado por umas 24 horas, em contato direto com a natureza...me reenergizando.
Desejo a todos um ótimo final de semana.
Enviarei por e-mail uma foto do por do sol no mar de Fernando de Noronha que recebi ontemm de um amigo que está velejando numa volta ao mundo. Espero que gostem e que o Carlos o aproveite para, com a inspiração que lhe é peculiar e inerente, escrever um lindo texto.
Adorei as músicas, em especial a do Caetano, afinal quem nessa vida não teve um amor que não nos ensinou a esquecer? (a frase ficou estranha, mas que eu estou suspirando...ah isso eu estou...rs)
Bjs

Carlos Kurare disse...

Oi Dé!
Mande sim!
:0*
Carlos Kurare

Carlos Kurare disse...

Erika,
Apesar de já ter feito curso de alpinismo, acabei praticando espeleologia. E vou lhe dizer uma coisa ir pra baixo da terra é menos solitário! Apesar de ser escuro “pra dedéu”!Mas a vista do cume é sem sombra de dúvida mais bonita. E aqui não estou a fazer nenhuma metáfora. É só um fato que pude comprovar na singela prática que tive em ambas atividades.
Carlos Kurare

Erika Azevedo disse...

ESTOU A CAMINHO E SE OS VENTOS AJUDAREM, CHEGO LÁ.

Rê Liberato disse...

Boa tarde!!!
Estava pensando nisso!!! Nas diversas formas de amar…
Esse assunto é tão complexo, não?
Minha Vida é povoada por amigos e família...e eu agradeço de joelhos por isso.
Mas penso que a evolução do humano está condicionada a vivência da intimidade (convivência) com aquele que é absolutamente diferente de nós...para homens, mulheres...para mulheres, homens...Óbvio que aprendemos com quem trocamos...mas aprofundamos auto-conhecimento quando trocamos com o absolutamente diferente...Conhecendo partes de nós completamente desconhecidas...A psicologia feminina e masculina...formas de ver o mundo, de interpretá-lo, de exercitar experiência completamente diferentes...Não discordantes...Diferentes...Complementares...Porém para se propor a conviver...é preciso paciência e tolerância...dois nutrientes do Amor...Negociação...Contra Proposta...Ops...rsrsrs...por falar em contra proposta...rsrsrs se o convite for explorar uma caverna ...ah!!!bom...aí eu levo o picnic: pão italiano, sardela, azeitonas pretas, tomates secos, presunto Parma, o vinho, a cestinha, a tolha xadrez, os passarinhos, as borboletas... Agora, vc me fez lembrar que fazia picnic com meus pais quando era mínima de pequena...toalha xadrez, fritada no filão de pão, tubaína, garrafa de café...meus pais...pequenos grandes afagos...alimentando os passarinhos...eu??? Acho que é a minha primeira lembrança de felicidade...Obrigada de novo...mais uma recordação para alimentar minha alma...

Rê Liberato disse...

Ah!!!Meu Deus!!!Fiquei tão emocionada com a memória...esqueci de um poema do Drummond...quero deixar para o final de semana..." Como nos enganamos fugindo do Amor!!!! Como o desconhecemos, talvez com receio de enfrentar Sua espada coruscante, seu formidável Poder de penetrar o sangue e nele imprimir Uma orquídea de fogo e lágrimas" Final de semana exuberante pra todos

Luna disse...

Carlos,

Ah...essa solidão não tem jeito rapaz! Ela só tem cura se for por amor e PRA SER AMOR...

"Pra ser amor...
Tinha que ser mais forte do que nós,
ser companhia quando estamos sós.
Ser invisível e abrasador.

Pra ser amor...
Tinha que haver bem mais compreensão,
tinha que ser maior do que a razão,
ser imbatível como um vencedor.

Se fosse amor...
Todo universo ia conspirar, dando um
remédio pra aliviar a dor.

Pra ser amor tinha que ser nós dois."

http://www.youtube.com/watch?v=rACDgFIJ6CE&feature=related

A voz desse cara é demais!!! Sonhando aqui...

Márcia disse...

Oie!!! Saudades de passar por aqui e ler seus textos e comentários.
Como vc diz, e concordo plenamente:

"mais incoerente... é ser só!
Em um mundo com 6 bilhões de pessoas!"

Hoje sexta-feira depois de um dia inteiro cheio de pessoas a minha volta, estou eu aqui, sentada em frente ao computador, com vontade de conversar ...
será que falo demais, ou é somente um pouco desta solidão que em versos vc descreve:

"é mais gostoso quando temos
boa companhia ao nosso lado para apreciar a paisagem.
Convenhamos... o por do sol a dois é muito mais escarlate!"

Não é feio sentir fraqueza um dia ou outro, então por hoje é só,
m gde beijo e m excelente feriado !!!!

Anônimo disse...

As fotos são belíssimas Carlos, e as canções ainda mais, vibrei por aqui, gosto de tudo que vêm de você, o quê mais posso dizer ??? Apreciar, elogiar !!! Um beijo da Silvana Bacana.

Muito além de um jardim!

Flor cuidada por mim Flor Amorosa Num belo dia desejei só para mim Mulher amorosa e decente E como jardineiro diligente Semeei a...