terça-feira, 23 de novembro de 2010

Pavlov...ding dong...avon chama.



Uma vez uma personal trainner disse-me que eu precisava de condicionamento físico.  Levei chicotadas para eu aprender alguns truques novos. Levei uma semana para entender que ela era uma dominatrix. Nesse ínterim, aprendi a deitar, rolar, fingir de vivo e a abanar o rabo.
Condicionamentos aos quais nos permitimos: 

...É assim... Vemos a praia às pessoas e resolvemos chegar mais perto, vamos rapidamente nos aproximando da praia e consequentemente das pessoas. É  um instinto, uma desorientação, um motivo que desconhecemos... Não o dominamos! Quando se torna perceptível a realidade dos fatos... Vemo-nos como somos... Uma imensa baleia cinza, atolada na areia. Estanque em movimentos. Viva em angústias... Plena em pensamentos.  Estanque na areia!
É isso vamos cedendo, vamos cedendo, perdendo a identidade no processo, tudo por querer pertencer a mundos que não são nossos! A viver com pessoas e realidades que não são nossas. Nosso... mas nosso mesmo... é o mar!

Carlos Kurare







"Às vezes, as correntes que nos impedem de sermos livres e felizes são mais mentais do que físicas.
Pense.... pois, muitas vezes, amarram você em nada e você acredita"!!!
Dica por email da Norma.





Esta música tem um balanço de balançar gente grande (C.K)

Debaixo do Mar A Pequena Sereia Disney - Composição: Ashman/Menken - letra aqui


E por falar em cachorro como ocultar da mente a canção abaixo?

Eu Nao Sou Cachorro Não - Waldick Soriano - Composição: Waldick Soriano - letra aqui


Li que ele (Waldick) se recusava a fazer o exame de próstata, vai aqui uma pergunta aos homens acima de 40 anos: é melhor deixar o dedo do médico entrar uma vez por ano com parcimônia, ou deixar o câncer arrombar seu ânus o ano inteiro sem-cerimônia?(CK)


Baleia Azul, o maior animal do planeta


E por falar em ficar atolada na areia...



Bola de Fogo - Funk da Atoladinha - Composição: Mc Sandrinho

2 comentários:

ANÔNIMA FASCINADA disse...

Puxa Carlos,é claro que você não é cachorro não!Você é um gato,lembra-se?De unhas retráteis.Tenho que confessar que apesar dos meus 48kq a maior parte do tempo me sinto uma grande baleia azul,sozinha neste mar...Agora sério,concordo com você,nos aproximamos das pessoas com todo cuidado e de repente quando percebemos ultrapassamos os nossos limites de segurança e ficamos encalhados na areia da praia.Parabéns

Anônimo disse...

Simplesmente hilário o texto inicial de Carlos Kurare, ri muito aqui, esplêndido, é isso mesmo, rsrsr ... A homarada têm que relaxar e deixar entrar oras bolas, quero dizer, o dedo !!! Silvana Bacana.

Muito além de um jardim!

Flor cuidada por mim Flor Amorosa Num belo dia desejei só para mim Mulher amorosa e decente E como jardineiro diligente Semeei a...