sábado, 5 de novembro de 2011

Matilha ou alcatéia?


Não procuro panacéia, quero mesmo é partilha! 
E apesar de lobo ser. ...Fazer parte da matilha!
  Carlos Kurare
Sampa - 3/11/2011 19:51

Alcatéia

Dentro de mim mora um lobo que faz parte da matilha
Dentro de mim mora um lobo que ama e venera suas crias
Dentro do lobo habita um homem, que quer melhores dias
Dentro do homem mora um cão... que sempre partilha

E nesta vida, de imensas pradarias, não procuro alguma panacéia
Procuro apenas, simplesmente, não fazer parte da imensa alcatéia 
Carlos Kurare
Sampa - 3/11/2011 19:51

A vida é curta! Curta a vida!


Dentro de mim mora um anjo - Fafá de Belém - comp.: Sueli Costa e Cacaso - letra


Marisa Monte - Pelo Tempo Que Durar

Alguém me passou esse link, desculpe-me não lembro quem foi, no momento ando sob tempestades (cerebrais)!

Sobre Lobo leia mais aqui

2 comentários:

Anônimo disse...

Marisa Monte é uma das mais belas vozes da nossa música.
Tenho alguns trabalhos dela, mas esta, em especial, não conhecia.
Boa a sua escolha desta canção, que possui uma letra linda.
Desculpem-me os lobos, mas a Marisa foi fundamental.
Bom final de semana.
Beijocas,
Lina Maria

Alê disse...

Carlos,

Adorei a analogia aos lobos: ficou encantador!

e pra coroar: Marisa.


Que tudo, ao tempo exato, traga o arco-íris,


Bjka

Muito além de um jardim!

Flor cuidada por mim Flor Amorosa Num belo dia desejei só para mim Mulher amorosa e decente E como jardineiro diligente Semeei a...