quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Ter ou não ter, eis a questão!

 

A ignorância é uma benção da qual infelizmente não tive a graça!

Carlos Kurare

Sampa-3/6/2010 05:40


Leandro Karnal - " As pessoas felizes no Brasil"

trecho da Palesta de Karnal sobre Hamlet (Clássicos do Cotidiano) da CPFL cultura - Café Filosófico.
O que o Príncipe tem pra nos dizer hoje..nesse mundo de facebook?

8 comentários:

Unknown disse...

S E N S A C I O N A L!!!!!!!

Claudia Martins disse...

S E N S A C I O N A L!!!!

Claudia Martins disse...

S E N S A C I O N A L!!!!!!

Lia disse...

Muito BOM!!!

Anônimo disse...

A ignorância é uma benção da qual infelizmente não tive a graça! Carlos Kurare
A ignorância é uma maldição que me liberto quando busco extirpá la,reconhecendo me portadora dela. Solkadesh

Como posso dialogar, se alieno a ignorância, isto é, se a vejo sempre no outro, nunca em mim?
Como posso dialogar, se me admito como um homem diferente, virtuoso por herança, diante dos outros, meros "isto", em que não reconheço outros eu?
Como posso dialogar, se me sinto participante de um "gueto" de homens puros, donos da verdade e do saber, para quem todos os que estão fora são "essa gente", ou são "nativos inferiores"? (Paulo Freire)

Unknown disse...

Gostei,
Realmente a pessoas que se sentem acima da média e por isso se acham um ser humano melhor. Ignorância ou insanidade?

Rose Maia disse...

Perfeito!
Me sinto como uma pequena semente, portanto capaz de crescer,me encher de galhos, folhas, flores e frutos, certa que estou contribuindo para mundo com "mais humano e menos ser". Rose Maia

Anônimo disse...

Talves as duas ...

Muito além de um jardim!

Flor cuidada por mim Flor Amorosa Num belo dia desejei só para mim Mulher amorosa e decente E como jardineiro diligente Semeei a...