domingo, 14 de fevereiro de 2010

Feliz ano novo de 2010!



Pensei que começaria o ano de forma diferente, planejei começá-lo com alguém que me acenava com o futuro... Mas... veio a roda viva, e me vejo iniciando o novo ano no mesmo lugar que passei o velho. Não que isso seja ruim, não o é. Estou cercado de afetos, gentilezas e cuidados, mas preciso voar, quero voar, anseio pelo vôo. Tenho medo dele, mas o enfrento com coragem. Sinto-me Davi, face a face, com o gigantesco Golias, minhas pernas tremem, meu coração sofre agudezas de agulhas, o medo invade-me quero correr de volta para um aconchego, para braços protetores, mas sou um covarde estúpido, já o disse outras vezes, corro para o calor da batalha, de baioneta calada, e grito como um louco para ocultar, sorrateiramente, o medo que me invade.
Venha 2010! Vou enfrentá-lo de peito aberto. Quero novidades, quero sofrimentos, quero “tacar” fogo no mato morro acima. Quero arder como madeira seca. Quero viver como um “comdor”, olhando o mundo lá de cima, flutuando nas alturas. Quero caminhar na areia, quero ter alguém para caminhar comigo, para me forçar a caminhar, tenho mania de caminhar sozinho de me afastar do grupo de ir além, cansei de esperar que me acompanhem quero me cercar dos que andam mais rápido, dos que não param para descansar, dos que vão ao limite. Chega de se contentar com o tépido, quero suar sangue numa imensa caminhada, mata a dentro. Com mosquitos, espinhos, formigas vorazes, água gélida e suores atlânticos. Eu, eu,eu! Só penso em mim? Na verdade, penso muito em quem me acompanhará nesta caminhada, quem suportaria as matas verdes, virgens, que tragam pessoas como areias movediças? Quem. Quem sentiria o prazer desta caminhada?
Tenho um problema, e como diria um grande amigo, o problema é só meu.
Desejo a você que recebe estas palavras, a mesma angústia que carrego comigo, desejo a você a mesma carnificina filosófica. O mesmo nó Górdio que tento desatar. Por que lhe desejo tantos demônios? Por que almejo caminhar ao seu lado em 2010!
Carlos Kurare
.
Post scriptum
.
Um beijo nesta noite alegre! Procure cercar-se de pessoas alegres! Procure sorrir e rir desvairadamente. Lembre-se: Talvez não haja amanhã!!! rssss

Um comentário:

Anônimo disse...

Curere, achei muito legal o blog, parabens do Antonini, muito legal mesmo, fica com Deus.
Antonin

Muito além de um jardim!

Flor cuidada por mim Flor Amorosa Num belo dia desejei só para mim Mulher amorosa e decente E como jardineiro diligente Semeei a...