domingo, 4 de julho de 2010

O tempo foge-me das mãos...



Clique nas imagens, e delicie-se com a beleza destas em alta resolução!


O tempo foge-me das mãos. Percebo isso nitidamente...mas, nada posso fazer.
Mal consigo pensar neste momento! Já que os sons desta cidade alienam-me! E por mais complacente que eu possa ser, como tolerar o ruído que sai dos aparelhos de som, verdadeiras ânforas de pandora, dos nativos que me rodeiam?

Como tolerar o vozeio, das pessoas com as quais preciso conviver?
Como tolerar a multiplicação inequívoca do supérfluo ser humano?
Ontem assisti, com sofreguidão, alguns minutos de um programa humorístico. 
Dói ver gente competente tendo que representar papéis tão obtusos, apenas para ganhar o pão de cada dia. Como gritavam os personagens. Parece que a vida da população deste país esta imersa em gritos.


Isso ocorre com frequência nas novelas, nos programas televisivos, também, vi algumas cenas de várias novelas e a voz alta...o Grito, é de uma onipresença marcante.

Enfim... o grito é onipresente.

E o fato de todos gritarem, como eu próprio grito, é que talvez estejamos tentando dizer: Eu Existo! E o tempo...Ah! o tempo! O “Tempus fugit”!
Carlos Kurare




Tempus fugit

Tempus fugit é uma expressão latina que significa "O tempo foge", mas que é normalmente traduzida como "o tempo voa". É uma expressão que aparece em muitos relógios.

A expressão foi usada pela primeira vez nas Geórgicas do poeta romano Virgílio: Sed fugit interea fugit irreparabile tempus ("Mas ele foge: irreversivelmente o tempo foge")". Wilkipédia


Sentado à Beira de Um Caminho - Rosa Passos -
Comp.: Roberto Carlos/Erasmo Carlos


Eu adoraria! Poder abrir agora, uma lata de silêncio, e embebedar-me, só com meus mais puros pensamentos!
Carlos Kurare

Simon and Garfunkel - Sound Of Silence

7 comentários:

Isabel_Alvarenga disse...

Kurare, gosto do que escreve mas tenho percebido muita angústia em suas palavras... Embora o sofrimento esteja presente a todo momento em nossa vida, a alegria de estar vivo e poder fazer escolhas deve ser maior e possibilitar que a esperança supere a tristeza.
Se eu tivesse o poder de te enviar um "caminhão" cheio felicidade, eu te mandaria. Como não tenho, lhe ofereço, muito singelamente a minha amizade e o meu carinho... Que essa oferta chegue como uma brisa fresca neste seu domingo... É assim que gostaria que essa mensagem chegasse até seu coração.
Um beijo...já te gosto muitooo.

Erika Azevedo disse...

Carlos,
Não pare. Voce é jardineiro que cultiva flores que enfeitam caminhos por onde passa.
Também como a isabel,as vezes lhe sinto triste.Queria que voce fechasse osolhos por um momento e me imaginasse chegando aí com estrelas nas mãos e a lua no olhar... tudo pra você.

o casamento de minha filha disse...

Sabe aquela conversa de sexta à tarde, me fez tão bem... Conheci uma pessoa incrível, de histórias que sei apaixonantes, de um humor sarcástico e também cativante.E quero saber mais e conhecer melhor.Permita-me dizer que pela primeira vez achei você tão triste e fiquei triste também.Apesar da tristeza,as vezes, ser necessária, gosto mais de sua alegria. Um grande beijo. Também já te gosto muito.

Anônimo disse...

Carlos,

O que é o tempo?

Para alguém que já se perpetuou, ele não deveria mais ser levado tão a sério, deixe isso para nós, simples mortais!

Para você, o tempo está aqui, envolvido em notas musicais, mergulhado nas águas mornas do mar, no assovio do vento, no sorriso do olhar de uma criança, nos corações apaixonados das mulheres, nas raízes profundas de cada palavra...

Para você, o tempo pode até estar na busca torturante do silêncio, mas ele nunca irá passar.

Beijos,

Luna

Isabel_Alvarenga disse...

O silêncio pode fazer bem a nossa alma... principalmente se soubermos aproveitar do silêncio para acalmar nossa ansiedade...

Kurare, desejo que o silêncio que se acomoda espaçoso dentro de você, sirva para levá-lo a refletir sobre suas coisas e seus sentimentos...

Que a partir deste silêncio, você possa se conhecer e se gostar mais... É isso que vai fazer a diferença na nossa vida...

Eduardo Galeano diz o seguinte: "A Utopia está lá no horizonte. Me aproximo dois passos, ela se afasta dois passos. Caminho dez passos e o horizonte corre dez passos. Por mais que eu caminhe, jamais a alcançarei. Para que serve a Utopia? Serve para isso: para que eu não deixe de caminhar."

Bjsss no seu coração!!!

Isabel_Alvarenga disse...

http://www.youtube.com/watch?v=bMeduE8W9VE&feature=related

Anônimo disse...

Pois é Carlos Kurare,
O tempo passa mas as memórias ficam...e por falar nela,hoje depois de um bom tempo voltei e fiquei surpresa....as mudanças doem....senti saudades do vaso comprado no mappim, da flor plantada no canteiro do seu pai, e da sua mão...cadê a foto que dava significado a este blog...inovar é preciso..mas preservar o belo também. beijos saudosos
Alicce

Muito além de um jardim!

Flor cuidada por mim Flor Amorosa Num belo dia desejei só para mim Mulher amorosa e decente E como jardineiro diligente Semeei a...