sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Precisei "me" partir para chegar...



Precisei "me" partir para chegar...
Foi quando "me" parti que me encontrei. Precisei me fragmentar, para me enxergar inteiro.
Para embeber-se da felicidade da volta é preciso embriagar-se da dor da partida.

Sampa- 17/9/2010 14:35
Carlos Kurare


Encontros e Despedidas
Composição: M. Nascimento E F. Brant

Mande notícias do mundo de lá
Diz quem fica
Me dê um abraço, venha me apertar
Tô chegando
Coisa que gosto é poder partir
Sem ter planos
Melhor ainda é poder voltar
Quando quero

Todos os dias é um vai-e-vem
A vida se repete na estação
Tem gente que chega pra ficar
Tem gente que vai pra nunca mais
Tem gente que vem e quer voltar
Tem gente que vai e quer ficar
Tem gente que veio só olhar
Tem gente a sorrir e a chorar
E assim, chegar e partir

São só dois lados
Da mesma viagem
O trem que chega
É o mesmo trem da partida
A hora do encontro
É também de despedida
A plataforma dessa estação
É a vida desse meu lugar
É a vida desse meu lugar
É a vida








Vanessa Pinheiro - Encontros e despedidas



VELHA ROUPA COLORIDA - BELCHIOR



Milton Nascimento- Ouro Preto- "Encontros e Despedidas"

9 comentários:

Lee disse...

esse seu "escrito" ficou deveras lindo! parabéns!

Carlos Kurare disse...

Obrigado Lee!
Escrevi-o num momento de silêncio e serenidade, ou seja, meus pais não estavam em casa. Os filhos do vizinho estavam na escola, o trem não passou. E é claro o bate-estaca da obra em frente quebrou.
Caso alguém saiba de um lugar sossegado e silencioso, no qual eu possa ficar por dez dias, para escrever minha stand-up aceito sugestões. Sítios abandonados, casas assombradas são ótimas pedidas. Pois eu não incomodarei os nativos nem eles a mim.
Dispenso obviamente tel. de agências de viagens. Ah! Sim! Sei fazer pesquisa no Google.
:0)
Carlos Kurare

Luciene Figueiredo disse...

Como é bom... muito prazeroso estudar você!

Márcia disse...

Adorei seu blog.
Parabéns!
Bj
Márcia

Carlos Kurare disse...

Luciene... o que vocÊ é menina estudante de parapsicologia?
:0)

Carlos Kurare disse...

Oi Márcia!

Obrigado pelo comentário! E seja bem-vinda! Isto é... bem-vinda enquanto elogiar! :-)

Márcia disse...

hummm... estava escutando este "poema", e lembrei-me de vc.
Acho que irá gostar...

http://www.youtube.com/watch?v=RLSP_GvaErM&feature=related

Bjs e boa semana!!!
:)))

Luciene Figueiredo disse...

KKKKK! Depende do ponto de vista, rsrsrs!

Carlos Kurare disse...

Márcia

Gosto sim!
E fiquei com inveja se eu tivesse um estúdio para gravar com essa qualidade... Ah! Um dia terei...ou não!

Sou do tempo em que montar numa magrela: era só sair para pedalar!

Há três coisas que eu nunca esqueço na vida, mesmo que eu fique muito, muito tempo sem praticar: - Andar de bicicleta; - Nadar; ...