sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Precisei "me" partir para chegar...



Precisei "me" partir para chegar...
Foi quando "me" parti que me encontrei. Precisei me fragmentar, para me enxergar inteiro.
Para embeber-se da felicidade da volta é preciso embriagar-se da dor da partida.

Sampa- 17/9/2010 14:35
Carlos Kurare


Encontros e Despedidas
Composição: M. Nascimento E F. Brant

Mande notícias do mundo de lá
Diz quem fica
Me dê um abraço, venha me apertar
Tô chegando
Coisa que gosto é poder partir
Sem ter planos
Melhor ainda é poder voltar
Quando quero

Todos os dias é um vai-e-vem
A vida se repete na estação
Tem gente que chega pra ficar
Tem gente que vai pra nunca mais
Tem gente que vem e quer voltar
Tem gente que vai e quer ficar
Tem gente que veio só olhar
Tem gente a sorrir e a chorar
E assim, chegar e partir

São só dois lados
Da mesma viagem
O trem que chega
É o mesmo trem da partida
A hora do encontro
É também de despedida
A plataforma dessa estação
É a vida desse meu lugar
É a vida desse meu lugar
É a vida








Vanessa Pinheiro - Encontros e despedidas



VELHA ROUPA COLORIDA - BELCHIOR



Milton Nascimento- Ouro Preto- "Encontros e Despedidas"

9 comentários:

Lee disse...

esse seu "escrito" ficou deveras lindo! parabéns!

Carlos Kurare disse...

Obrigado Lee!
Escrevi-o num momento de silêncio e serenidade, ou seja, meus pais não estavam em casa. Os filhos do vizinho estavam na escola, o trem não passou. E é claro o bate-estaca da obra em frente quebrou.
Caso alguém saiba de um lugar sossegado e silencioso, no qual eu possa ficar por dez dias, para escrever minha stand-up aceito sugestões. Sítios abandonados, casas assombradas são ótimas pedidas. Pois eu não incomodarei os nativos nem eles a mim.
Dispenso obviamente tel. de agências de viagens. Ah! Sim! Sei fazer pesquisa no Google.
:0)
Carlos Kurare

Luciene Figueiredo disse...

Como é bom... muito prazeroso estudar você!

Márcia disse...

Adorei seu blog.
Parabéns!
Bj
Márcia

Carlos Kurare disse...

Luciene... o que vocÊ é menina estudante de parapsicologia?
:0)

Carlos Kurare disse...

Oi Márcia!

Obrigado pelo comentário! E seja bem-vinda! Isto é... bem-vinda enquanto elogiar! :-)

Márcia disse...

hummm... estava escutando este "poema", e lembrei-me de vc.
Acho que irá gostar...

http://www.youtube.com/watch?v=RLSP_GvaErM&feature=related

Bjs e boa semana!!!
:)))

Luciene Figueiredo disse...

KKKKK! Depende do ponto de vista, rsrsrs!

Carlos Kurare disse...

Márcia

Gosto sim!
E fiquei com inveja se eu tivesse um estúdio para gravar com essa qualidade... Ah! Um dia terei...ou não!

Muito além de um jardim!

Flor cuidada por mim Flor Amorosa Num belo dia desejei só para mim Mulher amorosa e decente E como jardineiro diligente Semeei a...