A voz!






Este é o meu jeito de lhe dizer, um pouco meio sem jeito,
 que você leva um jeito danado pra ser...
do meu jeito danado de ser.

Este é o meu jeito de lhe dizer, um pouco meio sem jeito, 
que você tem um jeito fadado pra ser... 
do meu jeito danado de ser.
Carlos Kurare

Sampa-23/10/2012 03:06



My Way - Frank Sinatra - Legendado

Comentários

Lina Maria disse…
"E fiz do meu jeito..."
"...você leva um jeito danado pra ser do meu jeito danado de ser."
Você...pronome de tratamento...você substitui um NOME...um NOME...IDENTIDADES!!!
Isso!!
Identidade é o tema de hoje.
E o que há para acrescentar diante de tamanha identidade?
Ah...só você mesmo,Neruda, seria capaz de fazê-lo, ou não...rsrsrsr

Soneto XVII - Pablo Neruda

NÃO TE AMO como se fosses rosa de sal, topázio
ou flecha de cravos que propagam o fogo:
te amo como se amam certas coisas obscuras,
secretamente, entre a sombra e a alma.
Te amo como a planta que não floresce e leva
dentro de si, oculta, a luz daquelas flores,
e graças a teu amor vive escuro em meu corpo
o apertado aroma que ascender da terra.
Te amo sem saber como, nem quando, nem onde,
te amo diretamente sem problemas nem orgulho:
assim te amo porque não sei amar de outra maneira,

senão assim deste modo em que não sou nem és

tão perto que a tua mão sobre meu peito é minha

tão perto que se fecham teus olhos com meu sonho.

http://www.youtube.com/watch?v=6ARalNn0OLM&feature=related

A peça que faltava no quebra-cabeças e a nossa busca.
Você fez meus olhos brilharem hoje!
Um beijo!

Postagens mais visitadas