terça-feira, 2 de outubro de 2012

VERde Novo: A tempestade - Voz de Carlos Kurare

Nunca ter sido amado: é como contemplar uma noite sem estrelas!
Nunca ter amado: é desconhecer... 
Estrelas!


Carlos Kurare

 Sampa - 11/5/2011 01:15  - Frase revisada em 02/10/2012 - 04:13am

Por favor ao usar uma de minhas frases cite a minha autoria.
Eu as gero com carinho, ajude-me a criá-las com amor.
Grato!

Há amores proibidos.. e há amores impossíveis...  e amores nos quais as famílias metem o bedelho e, muitas vezes por um preconceito bobo, estragam um amor puro e singelo. 
Veja o vídeo e compreenda melhor a minha indignação a esse respeito.


A Tempestade - voz e texto adaptado de Carlos Kurare


Bandolins - Oswaldo Montenegro


Oswaldo + Bandolins + música + amor...lembrei-me dos festivais...lembrei-me da Tetê... Puxa por que não há mais festivais como os de antigamente?

Tetê Espíndola - Escrito nas Estrelas
Meter o bedelho: intrometer-se em assuntos em que não é chamado. Michaelis Moderno Dicionário da Língua Portuguesa

2 comentários:

Lina Maria disse...

"...Ela teimou e enfrentou
O mundo
Se rodopiando ao som
Dos bandolins..."

Na minha opinião esta postagem é uma das mais lindas
que você publicou.
Ela é completa!
Não há o que dizer, muito menos o que acrescentar.
"Ah...o amor!"

Um beijo!

Lina Maria disse...

Sua postagem fez-me lembrar de Drummond...

"A GENTE SEMPRE SE AMANDO"

A gente sempre se amando
nem vê o tempo passar.
O amor vai-nos ensinando
que é sempre tempo de amar.

Bjs

Muito além de um jardim!

Flor cuidada por mim Flor Amorosa Num belo dia desejei só para mim Mulher amorosa e decente E como jardineiro diligente Semeei a...