sábado, 19 de janeiro de 2013

A felicidade não se compra...

O dinheiro compra companhia, mas só o bom caráter... conquista uma amizade.


Hoje me perguntaram se sou feliz.

Sou feliz? Sei que tenho lampejos de felicidade, e tenho momentos de tristeza, mas ao longo da vida ri mais do que chorei. Ri muito e fiz os que me rodeavam rirem também. Penso que sou um homem feliz e apesar de tantas adversidades que enfrentei, não me tornei um homem amargo. 
Certamente isso se deve a sorte, e ao mérito que tenho, de ter poucas e boas pessoas ao meu redor!(Minha mãe sempre diz: cachorro que tem mais de um dono morre de fome).

E você... é feliz?

Recomendo que você assista o delicioso filme A Felicidade Não Se Compra.
  

"Para abrir a quarta temporada da série de palestras HolllywoodCEO sobre cinema &; negócios, nós escolhemos o melhor filme de todos os tempos sobre Dinheiro e Caráter: A Felicidade Não Se Compra. 
Rodado em 1946, o filme mostra a história de George Bailey - um pequeno empresário de uma pequena cidade americana que passa a vida inteira se doando para os outros em detrimento da sua própria felicidade.
Seduzido constantemente por diferentes tentações como trabalhar para as grandes empresas, morar na cidade grande e seguir uma carreira corporativa, Bailey vê os anos da sua vida se passarem “preso” a pequena e modesta empresa construída pelo pai sem saber se está fazendo a coisa certa ou não.
A Felicidade Não Se Compra é um dos melhores filmes sobre empreendedorismo já feitos na história do cinema. Uma PORRADA de esperança, amor e felicidade na cara de todos aqueles que estão esperando alguma coisa acontecer para correr atrás dos seus sonhos.
A Felicidade Não Se Compra é o melhor filme sobre dinheiro que você já assistiu! Simplesmente Maravilhoso! " (fonte: http://www.bizrevolution.com.br/bizrevolution/2011/02/a-felicidade-nao-se-compra-.html)







Informações Técnicas
Título no Brasil: A Felicidade Não Se Compra
Título Original: It's a Wonderful Life
País de Origem: EUA
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 130 minutos
Ano de Lançamento: 1946
Site Oficial:
Estúdio/Distrib.: Paramount Pictures
Direção: Frank Capra




Caráter:
5. O conjunto dos traços particulares, o modo de ser de um indivíduo, ou de um grupo; índole, natureza, temperamento:

O seu caráter agressivo dificulta-lhe o relacionamento; O caráter latino difere do caráter germânico.
6. O conjunto das qualidades (boas ou más) de um indivíduo, e que lhe determinam a conduta e a concepção moral. Dicionário Aurélio
 

6 comentários:

silvana bacana disse...

Olá Carlos, espero que tenha aproveitado bastante seus dias em João Pessoa, assim como aproveitei os meus em Punta de Leste, maravilhosas praias, relevo ímpar, natureza 100% adorável. Felicidade é estado de espírito, basta querer viver um dia após o outro no seu habitat ou outro lugar que esteja, sentir prazer nas coisas mais simples da vida, ver nas horas ruíns que poderia ter sido pior, tirar lições dessas experiências, levar otimismo consigo, ouvir as pessoas, olhar nos olhos, sorrir muito, cultivar o bom humor, manter a saúde em dia.

Anônimo disse...

Legal conhecer seu blog e viajar por ele...poderia tecer comentários em vários posts por concordar, discordar, adorar, rir....aproveitarei idéias e sugestões, inclusive em aulas, como deste filme...Paarbéns...talvez aqui o conheça...

Carlos Kurare disse...

Pois é Silvana, eu fico feliz quando faço um castelo de areia na praia, quando tomo um sorvete gostoso, quando vou ao zoológico e quando dou risada de menino. Para sermos felizes nos basta boa companhia! Felizmente tive tudo isso na minha viagem.
Um beijo!

Lina Maria disse...

O tema desta postagem, a busca pela felicidade, fez-me lembrar de um pensamento do meu querido e sábio Saramago:
"O que dá o verdadeiro sentido ao encontro é a busca e é preciso andar muito para se alcançar o que está perto."
José Saramago

infelizmente, é comum não sermos capazes de enxergarmos que há tantos e tantos motivos para sermos felizes, que a tal Dona Felicidade pode estar, neste exato momento, fazendo-nos um convite à vida.

Você comentou acima: "Para sermos felizes nos basta boa companhia!
Eu complemento seu pensamento com um de Victor Hugo:
"A suprema felicidade da vida é a convicção de ser amado por aquilo que você é, ou melhor, apesar daquilo que você é."
http://www.youtube.com/watch?v=-vBU8pkgtpo

Um abraço!

silvia matos disse...

Família,felicidade,dinheiro,amizade...It´s a wonderful life,desfrutei algumas vezes deste filme, um pouquinho doce demais pra meu gosto, pessoalmente prefiro How Green Was My Valley de John Ford, Citizen Kane do maluquinho Orson Welles e C'eravamo tanto amati de Ettore Scola, sempre que os assisto reflito sobre o que é verdadeiramente importante nesta vida, quase um "Eu era feliz e não sabia"

Abraços e parabéns pelo seu blog, gostei muito.

Vitoria Aragon disse...

Sim, eu sou muito feliz! E sabe por que? A felicidade está nas pequenas coisas, nas coisas simples da vida, você não precisa de dinheiro para ser feliz, é só olhar a sua volta que encontrará a felicidade. Basta observar o belo!
Eu assisti esse filme maravilhoso!

Muito além de um jardim!

Flor cuidada por mim Flor Amorosa Num belo dia desejei só para mim Mulher amorosa e decente E como jardineiro diligente Semeei a...